Economia

VOGES: Proprietário dá versão sobre o afastamento

07 de agosto de 2019 às 10:18
Foto: Banco de Dados

Por meio de nota oficial enviada à imprensa, na tarde desta terça (6), o empresário Osvaldo Voges esclareceu informações veiculadas sobre o seu afastamento do grupo que leva seu nome. De acordo com a nota, ele foi afastado de suas funções para fins específicos de não mais promover atos de administração e gestão do grupo, mas mantém-se como sócio proprietário. Também diz que, contrário ao citado no despacho judicial proferido na sexta (2), o afastamento ocorreu por deliberação da assembleia geral de credores, tendo sido submetido a estes a seguinte pergunta: "Você aprova a substituição do gestor das recuperandas?". Voges sustenta que o tema foi deliberado de forma objetiva, sem conter qualquer fundamentação sobre fatos imputáveis ou não à gestão do administrador anterior.

Salienta que ao não objetar sua substituição o faz com o objetivo principal e exclusivo de preservar os negócios e garantir a continuidade das empresas. “Cumpro com os princípios basilares da Lei de Recuperação Judicial, uma vez que tal situação possibilitará a entrada de um gestor judicial, o que proporcionará novas entradas de recursos financeiros passíveis de capitalizar o negócio e, assim garantir, sua manutenção e prosperidade”, conclui.