Veículos

Toyota inicia venda do primeiro modelo híbrido flex do mundo

Corolla 2020 é oferecido ao mercado em duas motorizações e três versões de acabamento
11 de setembro de 2019 às 09:22
Foto: Toyota do Brasil, Divulgação

Em sua 12ª geração, o Novo Corolla 2020 torna-se um divisor de águas na indústria automotiva brasileira por ser o primeiro híbrido com motor flex produzido no país. Disponível somente na carroceria sedã, o veículo tem duas opções de motores: 2.0 litros Dynamic Force flex e o inédito sistema híbrido que combina três motores, dois elétricos e um a combustão flexfuel. Segundo a Toyota, é o carro movido a etanol mais eficiente do Brasil. O Corolla 2.0 estará disponível nas versões GLi, XEi e Altis; com sistema híbrido somente na opção topo Altis.

O modelo chega com desenho externo renovado, conferindo aspecto mais robusto, dinâmico e esportivo. Com sua nova plataforma GA-C, o veículo passa a ter um centro de gravidade mais baixo (-10 mm). Na frente, destaca-se a forma trapezoidal das laterais do para-choque que circundam a grade frontal inferior. A grade dianteira superior é conectada aos faróis de desenho longo e angular, que, por sua vez, alongam-se até as laterais do veículo. Uma grande grade na cor preta e os faróis de neblina de LED disponíveis nas versões XEi e Altis complementam o design. A Altis híbrida vem com logomarca Toyota com acabamento na cor azul, enquanto o pacote Premium para essa versão oferece grade em black piano.

Na traseira, o desenho das lanternas está em harmonia com o porta-malas, enquanto o para-choque possui vincos marcantes. O design trapezoidal reverso do porta-malas e a queda acentuada nos cantos do para-choque procuram obter uma impressão unificada entre o design dianteiro e traseiro.

Os novos faróis dianteiros com regulagem de altura e sistema automático de iluminação são de halogênio nas versões GLi e XEi em formato de três “J”, complementados pelas luzes diurnas DRL em LED colocadas abaixo da linha cromada que percorre toda a frente do veículo. Para a versão Altis, os faróis Bi-LED possuem desenho em formato de dois “J” com DRL que acompanha o mesmo design. Na traseira, a versão Altis (híbrida e 2.0 Dynamic Force) possui lanternas inteiras em LED e, nas opções GLi e XEi são de halogênio, com luz de freio, de ré e de neblina em LED.

Todas as versões possuem rodas de liga leve, sendo de 16 polegadas na GLi, com acabamento na cor prata. Nas opções XEi e Altis híbrida são de 17 polegadas com acabamento na cor prata. A versão Altis 2.0 Dynamic Force tem acabamento na cor preto brilhante com pneus 225/45 R17 (opcional para a Altis híbrida no pacote Premium).

O modelo possui 4.630 mm de comprimento (+10 mm em relação à geração anterior), 1.780 mm de largura (+5 mm) e 1.455 mm de altura (-20 mm), enquanto a distância entre eixos se manteve a mesma, de 2.700 mm, e o volume do porta-malas também, de 470 litros. Já o tanque de combustível comporta 50 litros nas versões a combustão e 43 litros na versão híbrida.

Completa renovação no interior

O volante de três raios com controles de áudio e computador de bordo tem acabamento em couro e possui aletas para troca de marcha nas versões XEi e Altis com motor 2.0. O painel de instrumentos nas versões com motor 2.0 conta com três mostradores: um circular, no centro, onde é possível visualizar o velocímetro e o nível de combustível; um semicircular do lado esquerdo, onde o motorista exibe o conta-giros e o termômetro do motor; e uma tela de TFT de 4,2 polegadas colorida do lado direito que mostra o computador de bordo, com informações como indicador de marcha, consumo de combustível, hodômetro e autonomia, dentre outras.

A versão Altis híbrida possui tela TFT de sete polegadas digital e colorida, no centro do painel, exibindo o velocímetro e informações do computador de bordo. Enquanto o semicírculo do lado esquerdo possui um indicador do sistema híbrido, no lado direito é possível visualizar a informação de combustível e temperatura do motor.

A versão GLi conta com partes revestidas de tecido e de couro, na cor preta. As opções XEi e Altis híbrida têm exclusivamente partes revestidas de couro preto, enquanto a Altis 2.0 e híbrida com pacote Premium contam com partes revestidas em couro bege e marrom.

Uma das novidades é o teto solar elétrico com função antiesmagamento, melhorando a sensação de espaço e iluminação dentro da cabine, disponível de série para a versão Altis 2.0 ou como opcional no pacote Premium para a Altis híbrida. Com movimentos de basculamento e retrátil, ele tem acionamento elétrico por um toque.

Bem equipado desde a versão de entrada

Desde a versão de entrada GLi o modelo conta com ar-condicionado manual com filtro antipólen e ar quente, banco do motorista com regulagem para seis ajustes e do passageiro dianteiro com quatro, direção eletroassistida progressiva, vidros dianteiros e traseiros com acionamento elétrico por um toque e função antiesmagamento e sistema de áudio central multimídia Toyota Play com tela sensível ao toque de oito polegadas. Em termos de segurança, a versão é equipada com sete airbags, freios ABS com BAS e EBD, câmera de ré com linhas de distância com projeção na central multimídia, sistema ISOFIX para fixação de cadeirinhas no banco traseiro com ancoragem de três pontos, controles de estabilidade e tração e assistente de partida em rampa, dentre outros.

A versão XEi adiciona ar-condicionado automático, controle de velocidade de cruzeiro, modo de seleção de condução Sport, paddle shift, sistema de destravamento das portas por sensores na chave, sistema de partida por botão, faróis de neblina dianteiros em LED e espelho retrovisor interno eletrocrômico. A versão Altis 2.0 adota faróis dianteiros em LED e o exclusivo pacote de segurança ativa Toyota Safety Sense, que inclui sistema de alerta de mudança de faixa, controle de velocidade de cruzeiro adaptativo, farol alto automático e assistente de pré-colisão com alerta sonoro e visual e, se necessário, frenagem automática. Todos os comandos podem ser controlados também pelo volante.

Tem como item de série o pacote Premium composto por ar-condicionado automático dual zone com sistema S-Flow, banco do motorista com regulagem elétrica para oito ajustes, espelhos retrovisores externos eletro-retráteis com regulagem elétrica e rebatimento automático ao fechar o veículo, teto solar elétrico, limpador do pára-brisa com sensor de chuva e faróis e lanternas traseiras em LED. Na versão híbrida, a versão Altis tem painel de instrumentos com tela TFT de sete polegadas digital e colorida com computador de bordo e como opcional o pacote Premium.

Desempenho pode superar 16 km/l

O motor 2.0 Dual VVT-iE 16V DOHC rende 177 cv de potência a 6.600 rpm, quando abastecido com etanol, e 169 cv com gasolina. O equipamento atua em conjunto com uma inédita transmissão Direct Shift de 10 marchas. O sistema híbrido combina um motor a gasolina de 1.8 litro VVT-i 16V, com 101 cv de potência a 5.200 giros quando abastecido com etanol, e 98 cv com gasolina. Esse motor funciona em conjunto com dois motores elétricos de 72 cv de potência e 16,6 kgfm de torque.

A bateria híbrida de níquel-hidreto metálico, responsável por alimentar o motor elétrico, está localizada embaixo do banco traseiro, contribuindo para a redução do centro de gravidade e aprimorando a estabilidade na condução, sem comprometer o espaço interno. A transmissão Hybrid Transaxle funciona através de planetária com engrenagem, praticamente eliminando perdas e atritos. O Novo Corolla possui sistema de freios regenerativos, que acumula a energia cinética gerada pelas frenagens e a transforma em energia elétrica, alimentando a bateria híbrida. Segundo o Inmetro, o Corolla híbrido é capaz de rodar 14,5 km/l na estrada e 16,3 km/l na cidade quando abastecido com gasolina. Com etanol, o modelo roda 9,9 km/l na estrada e 10,9 km/l na cidade.

PREÇOS

GLi 2.0 Dynamic Force Flex: R$ 99.990

XEi 2.0 Dynamic Force Flex: R$ 110.990

Altis 2.0 Dynamic Force Flex: R$ 124.990

Altis Híbrido Flex: R$ 124.990 + R$ 6 mil do pacote Premium





Publicidade