Cidades

Serra elege agricultura, turismo e inovação na Consulta Popular

Cada um dos segmentos terá valor na ordem de R$ 209 mil
10 de setembro de 2019 às 10:37

Encerrado o processo de votação da Consulta Popular 2019, levantamento realizado pela Secretaria de Governança e Gestão Estratégica (SGGE) aponta que a agricultura foi a que recebeu mais votos, totalizando 170 mil. O número representa 25 projetos eleitos em 23 regiões dos Conselhos Regionais de Desenvolvimento (Coredes), com a destinação de R$ 12,847 milhões em verbas. Neste grupo se encontra o Corede Serra, que destinou R$ 209.942,86 para ações envolvendo a agricultura familiar.

Os eleitores da região ainda elegeram mais duas prioridades, ambas com o mesmo valor de R$ 209.314: fortalecer o Circuito Integrado de Turismo da Serra, envolvendo as regiões da Serra, Hortênsias e Campos de Cima da Serra; e apoiar a implantação do INOVA RS: Programa de Inovação na Região do Corede Serra.

A votação foi realizada durante três dias na semana passada. Nesta edição, o valor disponibilizado foi de R$ 20 milhões, divididos nas 28 regiões dos Coredes, resultando em 42 projetos eleitos pela população. Conforme a SGGE, órgão responsável pela organização da Consulta Popular, foram computados 253.832 votos. A votação foi online, pelo site www.consultapopular.rs.gov.br, e presencial, em pontos definidos pelos Coredes.

A verba destinada na Consulta Popular será inserida no orçamento do Estado. Os projetos eleitos serão executados pelas secretarias e monitorados pela SGGE. Conforme a execução é efetivada, os valores são liberados pelo governo.

O governo definiu o valor de R$ 20 milhões para a Consulta Popular com base na média de investimento que as áreas de Desenvolvimento Regional receberam nos últimos anos e, também, respeitando a atual situação financeira do Estado. Em 2018, a verba total para a Consulta chegou a R$ 80 milhões, porém, os valores destinados ao Desenvolvimento Regional foram R$ 26 milhões.





Publicidade