Cidades

Prontas há quase um ano, UBSs têm data de abertura

Administração, que foi cobrada pela Promotoria Pública com a fixação de prazo para início do atendimento, culpa gestão anterior pela demora
16 de maio de 2019 às 13:03
Foto: Andressa Boeira, Divulgação

A Secretaria Municipal da Saúde definiu as datas para abertura de três novas Unidades Básicas, uma delas pronta há quase dois anos e duas desde julho de 2018. Na segunda (20) será entregue a nova sede da unidade Reolon; em 3 de junho, a unidade São Vicente passará a funcionar em novas instalações; e, em 14 de junho, abre atendimento a UBS Cristo Redentor. Recentemente, a Promotoria Pública orientou a Prefeitura para que iniciasse os atendimentos em até 45 dias.

A partir de segunda-feira, os usuários da UBS Reolon já podem se dirigir à nova sede (Rua Assis Rodrigues de Lima, 210), que fica ao lado da antiga. O serviço funcionará, das 7h30 às 21h. Para viabilizar a mudança de local, nesta sexta-feira (17), a unidade contará apenas com uma equipe para assistência às urgências e emergências. As consultas que estavam agendadas para esta data serão remarcadas para o decorrer da próxima semana. "Precisamos desse tempo para transferir medicação, vacinas, insumos, prontuários do pacientes, instalar o sistema de informações nos computadores e testar. Não é possível fazer isso de forma concomitante aos atendimentos", explica Adriane Borella, diretora da Atenção Básica.

O mesmo procedimento será adotado para a UBS São Vicente, que fecha ao público na sexta-feira (31) e reabre na segunda (3), no novo local. A Cristo Redentor não depende de transferência de materiais e, portanto, abre em 14 de junho com atendimento pleno.

Segundo a Seplan, em janeiro de 2017, quando iniciou a atual gestão, as obras dessas três UBS's estavam em andamento. Porém, conforme o secretário da Saúde, Júlio César Freitas, a administração anterior não teria encaminhado as licitações necessárias para equipar e mobiliar os serviços. “Também não previu recursos no orçamento de 2017 para isso. Tampouco para a nomeação da equipe de trabalho da unidade do Cristo Redentor”, criticou.

A obra da unidade Cristo Redentor foi concluída em julho de 2017. No Reolon e no São Vicente este trabalho terminou em agosto do ano passado. Paralelamente ao andamento das obras, ao menos três licitações foram lançadas para aquisição dos itens necessários à montagem dos novos serviços. A última foi concluída em março deste ano. A composição da equipe da UBS Cristo Redentor encerrou neste mês, com a nomeação de um médico clínico. As outras duas unidades contam com os mesmos servidores que hoje já atuam.

Cada uma das UBS tem área edificada de 430,39m². Neste espaço há farmácia; salas de grupos, de nebulização, de vacinas, de curativos, de observação e suturas, de esterilização e de espera; oito consultórios multifuncionais e demais ambientes administrativos e de serviços.

Reolon

Investimento: R$ 1.066.240,61

Conclusão: 8 de agosto de 2018

Serviços: clínico, pediatra, ginecologista e saúde da família, agentes comunitários, enfermagem, odontólogo, nutricionista e assistente social

São Vicente

Investimento: R$ 1.028.371,25

Conclusão: 16 de agosto de 2018

Serviços: pediatra, ginecologista e saúde da família, enfermagem, agente comunitário e assistente social

Cristo Redentor

Investimento: R$ 1.028.371,25

Conclusão: 17 de julho de 2017

Serviços: clínico, pediatra e ginecologista, enfermagem e odontólogo





Publicidade