Cidades

Prefeitura nega cedência de praça para Benção de Freis

24 de setembro de 2019 às 10:47
Foto: Banco de Dados

Tradicional evento religioso realizado em Caxias do Sul, na Praça Dante Alighieri, desde 2003, a Bênção dos Freis Capuchinhos, neste ano, ocorrerá em frente à Igreja Imaculada Conceição, no Bairro Rio Branco. A atividade é realizada sempre na quarta-feira de dezembro – neste ano será no dia 11.

A mudança de local se dá por negativa da Prefeitura de Caxias do Sul para o uso da Praça Dante Alighieri para esta finalidade. O argumento é insólito. A atividade comunitária prejudicaria a desmontagem da estrutura da Feira do Livro, que se encerra no dia 13 de outubro, 60 dias antes do evento, e o início da montagem da decoração de Natal na Praça, que até o momento não teve programação divulgada ou a data de início.

Eron Voesch, gerente geral da Tua Rádio São Francisco, responsável pelo evento, informou que o pedido para autorização foi protocolado no dia 16 deste mês, ou seja, quase 90 dias antes da realização – a lei determina 30 dias, no máximo, 60, dependendo do público estimado. “Recebemos comunicado do diretor de fiscalização da Secretaria do Urbanismo, do Vinícius Medeiros, informando que não poderia ceder em função da desmontagem da Feira do Livro e a montagem do Natal”, relatou.

Mesmo a proibição tendo causado estranheza, pois a Benção faz parte do calendário de eventos do Município, Voesch disse que a opção foi por não ir atrás de mais informações ou tentar reverter a decisão. Mas lamenta a decisão. “A praça Dante é um local de grande circulação de pessoas de todas as classes sociais. E a Bênção tem como propósito dar alento à vida das pessoas, com palavras de fé, otimismo e esperança”. Voesch acrescenta que, no ano passado, a Prefeitura já não apoiou, diferentemente de edições anteriores.

Com a negativa, a decisão foi usar o estacionamento em frente à Igreja Imaculada Conceição, na Rua General Sampaio. Em 11 de dezembro, os freis estarão promovendo um momento espiritualidade, fé e bênção.  “A média tem sido de 10 mil pessoas por edição. Mesmo com a mudança de endereço, esperamos a presença do público”.





Publicidade