Esportes

Meta, agora, é a taça de campeão

Juventude projeta aumento na receita com o retorno à elite e mira o título da Série C
11 de setembro de 2019 às 09:27
Foto: Arthur Dallegrave, Juventude/Divulgação

A campanha vitoriosa do Juventude na Série C do Brasileirão em 2019 já faz a direção do clube esmeraldino projetar um exercício fiscal superior em 2020, quando o time fará o retorno à Série B do Brasileirão. Estimativas iniciais apontam que o acesso, alcançado com a vitória sobre o Imperatriz (MA), na segunda-feira (9), incrementará cerca de R$ 9 milhões no Estádio Alfredo Jaconi.

Em 2019, os 20 clubes da Série B do Brasileirão dividem R$ 176 milhões de patrocínio da Confederação Brasileira de Futebol. A quantia equivale a R$ 8,8 milhões para cada clube, que tem os jogos televisionados. Além desse montante, o Brasil de Pelotas ganha R$ 1,3 milhão do Banrisul no Gauchão, por estar na Série B do Brasileirão. Com o acesso, o Juventude deve garantir cota semelhante.

Parte do montante do patrocínio da CBF é deduzida para despesas de viagens e hotelaria. No entanto, na Série B, o Juventude terá novamente chances de elevar o quadro social e de angariar maiores investimentos com patrocinadores. Não há qualquer valor de premiação para a conquista da Série C. Entretanto, o clube buscará a taça do campeonato. A última conquista nacional do clube foi a Copa do Brasil, há 20 anos.

No domingo (15), o Juventude volta a campo no primeiro duelo das semifinais da Série C, contra o Náutico (PE), que eliminou nos pênaltis o Paysandu. O jogo será no Estádio Alfredo Jaconi, a partir das 18h, com transmissão exclusiva do Dazn. O embate da volta será no domingo (22), no Estádio dos Aflitos, em Recife, no mesmo horário. O Papo inicia os treinamentos nesta quarta-feira (11).

O meia Renato Cajá definitivamente teve uma noite especial na segunda-feira, quando marcou três dos quatro gols da vitória do Juventude diante da boa equipe do Imperatriz. Carlos Henrique também balançou as redes. A partida foi marcada pelo enorme apoio da torcida jaconera, que lotou o Alfredo Jaconi. Foram 18.413 vozes a favor do time esmeraldino.





Publicidade