Esportes

Juventude inicia treinos para a partida do acesso

Decisão será na próxima segunda e diretoria espera público superior a 13 mil torcedores
05 de setembro de 2019 às 09:08

O Juventude está muito perto de atingir o principal objetivo da temporada, que é voltar à Série B em 2020. Para atingir o acesso, entretanto, a equipe precisa derrotar o time do Imperatriz (MA), no tempo normal ou nos pênaltis, na próxima segunda-feira (9), com o apoio do torcedor, no Estádio Alfredo Jaconi, a partir das 20h. Nesta quarta-feira (4), os jogadores se reapresentaram e deram início aos treinamentos para o jogo do acesso.

No Alfredo Jaconi, os atletas que atuaram a maior parte do tempo no primeiro duelo, no Maranhão, ficaram na academia fazendo trabalhos de recondicionamento físico. Para os demais, um trabalho leve com bola no gramado do estádio. Marquinhos Santos deve dar início aos treinamentos táticos na quinta-feira (5), no CT alviverde, provavelmente com os portões fechados. Todo o elenco está à disposição, menos Eltinho, diagnosticado com uma lesão na lombar que o tirou do primeiro mata-mata.

No início da noite de terça-feira (3), a CBF confirmou o trio de arbitragem da partida do acesso. O árbitro Rodolpho Toski Marques, 32 anos, integra o quadro da FIFA. Ele terá o auxílio de Bruno Boschilia (FIFA) e Ivan Carlos Bohn. O trio é paranaense. Rodolpho esteve no apito pela última vez na derrota do Atlético (MG) para o Bahia, por 1 a 0, pelo Brasileirão, no dia 24 de agosto.

Até o início da tarde desta quarta-feira (4), mais de quatro mil ingressos já haviam sido vendidos pelo Juventude. As entradas promocionais saem por R$ 2 (em um pacote de R$ 10 por cinco ingressos). O preço normal é de R$ 10, com opção de meia-entrada. A expectativa da direção esmeraldina é de quebra do recorde de público da temporada, que foi registrado na última partida da fase classificatória: 13.092 torcedores.





Publicidade