Economia

INOVAÇÃO: Icehot projeta triplicar equipamentos

Empresa gaúcha tem 20 equipamentos instalados em 12 cidades
20 de maio de 2019 às 12:45

Em um ano de atividades, a startup Icehot chegou à marca de 20 equipamentos instalados em 12 municípios gaúchos, oferecendo água gelada e quente de forma gratuita a milhares de consumidores desde abril de 2018, quando o negócio estreou no mercado. Desde que o primeiro equipamento foi instalado, em Venâncio Aires, mais de 420 mil litros de água já foram distribuídos pela rede de mobiliário urbano. "Esse dado atesta a assertividade da ideia e a aceitação das comunidades, que têm acesso à água pública de qualidade", destaca um dos idealizadores da marca, Samuel Panta.

A Icehot já prospecta outro desafio: almeja 50 instalações até o final de 2019. Para isso, aposta, entre outros fatores, na implementação de novidades nos modos de relacionamento com municípios e patrocinadores e mais facilidades aos usuários. "Estamos planejando a implantação de um sistema para gerenciamento e venda de mídia online e cadastramento por CPF para coleta de dados e utilização do serviço. Além disso, vamos aperfeiçoar as ideias do Icehot Beach, exclusiva para praia, e da versão com exclusividade para água gelada, a mais consumida pela população, em comparação com a quente", acrescenta um dos idealizadores da marca, Alex Oliveira.

O Icehot é uma espécie de bebedouro, fabricado em aço inox, equipado com filtros que eliminam impurezas da água antes de chegar ao consumo. O sistema disponibiliza água gelada, a 5°C, e quente, a 85°C. A facilidade é ofertada de forma gratuita, uma vez que o Icehot não necessita de investimento do município, que arca, apenas, com o fornecimento de água e energia elétrica. Para confecção, instalação e manutenção, o mobiliário é viabilizado exclusivamente por meio de mídias, que divulgam suas marcas no próprio equipamento. Nos 20 municípios, são mais de 100 marcas patrocinadoras e parceiras da Icehot.





Publicidade