Cidades

HG oferecerá tratamento oncológico inédito na Serra

A última edição do Constelação Solidária, realizada em setembro de 2018, reuniu caxienses com um único propósito: ser agentes de ações
14 de março de 2019

A última edição do Constelação Solidária, realizada em setembro de 2018, reuniu caxienses com um único propósito: ser agentes de ações de solidariedade e de responsabilidade social na região. O evento, idealizado pela empresária Michele Censi, juntamente com os parceiros Censi Fisa, Florense e Montefina, teve a totalidade da renda revertida para o Hospital Geral de Caxias do Sul, instituição que presta atendimento de saúde gratuito para pacientes de toda a Serra Gaúcha.

O valor arrecadado na noite do evento beneficente viabilizou a aquisição de um importante equipamento para a Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) do Hospital Geral. Trata-se do Sistema Capelli, um método de resfriamento do couro cabeludo que reduz a queda de cabelos em pacientes com câncer, efeito muito comum do uso de medicamentos quimioterápicos. Com o novo recurso, o HG passa a ser o único hospital do estado a oferecer a beneficiários do SUS o inovador método que evita a perda de cabelos.

No início de fevereiro, a unidade de Oncologia do HG deu início à aplicação do recurso em uma paciente de 41 anos em tratamento contra câncer de colouterino. O método é indicado aos casos de tratamento de tumores sólidos, tais como cânceres de mama, ovário e pulmão e, principalmente, aos protocolos que contenham taxanos. "Quando a paciente perde o cabelo, de certo modo, ela perde o controle sobre a sua autonomia, sendo-lhe imposta a obrigatoriedade de compartilhar a doença com o mundo. Assim, com este equipamento, muito mais do que um elemento estético estamos entregando o direito à autonomia e individualidade e, portanto, o bem-estar da paciente em tratamento", argumenta o diretor de ensino e médico da Unacon, André Reiriz.

O evento de oficialização da entrega do aparelho de resfriamento capilar está marcado para o dia 21 de março, no Auditório Censi Florense, no HG de Caxias. "Este é o resultado que queríamos. O engajamento da sociedade caxiense e da região e dos parceiros foi tão expressivo com a causa que o projeto deve se tornar permanente para seguirmos unindo esforços em prol do bem-estar social", pontua Michele.  





Publicidade