Cidades

GRIPE: Nos últimos dias de vacinação, as crianças são prioridade

28 de maio de 2019 às 13:05

Essa é a última semana de vacinação contra a gripe nos postos de saúde de todo o Brasil. A campanha se encerra na sexta-feira (31). A imunização é para grupos prioritários e integrante de forças de segurança e de salvamento. A campanha  começou no dia 10 de abril e o último balanço do Ministério da Saúde mostra que, até dia 21 de maio, 63% do público-alvo haviam se vacinado.

No Rio Grande do Sul, mais de 2,7 milhões de pessoas já se vacinaram, o que representa 71,4% de cobertura. Mais um milhão de pessoas dos grupos prioritários ainda não foram vacinadas. O foco principal são as crianças, cujo alcance, no momento, é de 64%. Entre o público com mais de seis meses a menores de dois anos, a cobertura atual é de 72%; entre dois e quatro anos, alcance de 66%. A campanha de vacinação deste ano teve a ampliação da faixa etária para as crianças de cinco anos. E são justamente elas as com menor índice: 52%.

Para a chefe da Divisão de Vigilância Epidemiológica do Centro Estadual de Vigilância em Saúde, Tani Ranieri, entre os possíveis motivos para a baixa adesão está a desinformação quanto à vacinação e a época de viroses. "Muitos pais ou responsáveis acham que quando a criança está com resfriado, coriza ou até em tratamento com antibiótico, ela não pode receber a vacina. Mas ela pode fazer a imunização normalmente nesses casos", esclarece.

O Rio Grande do Sul já registra quatro óbitos por Influenza, dois causados pelo vírus A-H1N1 e um pelo vírus A-H3N2, além de um caso de paciente residente no estado, mas atendido em São Paulo. Dentre os óbitos ocorridos em território gaúcho, todos os pacientes faziam parte dos grupos prioritários para receber a vacina, porém, não estavam vacinados.

Em Caxias do Sul, a cobertura já é de 77,47% do público-alvo, com aplicação superior a 98 mil doses. A expectativa da Vigilância Epidemiológica é imunizar 126,9 mil pessoas no município até o final da campanha.

 

 

SÉTIMA PARCIAL

   

Grupos

Número de doses aplicadas

Percentual

Gestantes

2.602

57,09%

Crianças

20.298

65,80%

Trabalhadores da saúde

11.766

96,56%

Puérperas

522

69,69%

Idosos

42.796

88,87%

Doentes crônicos

16.550

61,31%

Professores

3.813

110,58%

Total

98.347

77,47%

Fonte: Secretaria da Saúde de Caxias do Sul