Cidades

Fundação Caxias completa 50 anos de atividades

26 de setembro de 2019 às 10:11

As cinco décadas de história da Fundação Caxias foram revisitadas na Tribuna Livre, durante sessão desta quarta-feira (25) da Câmara Municipal de Vereadores. O presidente Paulo Poletto relembrou as origens da instituição, que se deu quando um grupo de empresários caxienses teve a iniciativa de criar uma entidade com o objetivo de promover ações voltadas à qualidade de vida da população. 

O presidente destacou os programas promovidos, citando a Campanha do Agasalho, Banco de Alimentos, Banco do Vestuário, Banco de Refeições Coletivas e a Justiça Restaurativa, que oportunizam atender às necessidades básicas de vestuário e alimentação de quem vive em situação de baixa vulnerabilidade e garantir o bem-estar social. A preocupação com o meio ambiente foi outro eixo pontuado, frisando as ações do Banco do Vestuário quanto à reutilização de resíduos têxteis em curso de corte e costura, capacitando mais de 4 mil pessoas.

Na questão alimentícia, divulgou que atualmente 850 refeições são servidas ao dia. O presidente convidou para audiência pública, em dia 7 de outubro, no Legislativo caxiense, que debaterá o projeto do deputado estadual Luiz Marenco/PDT, para legalizar, em nível estadual, a doação de sobras e excedentes de alimentos.





Publicidade