Cidades

Entidade pede suspensão do concurso público de domingo

Alegação é de que edital para o cargo de Intérprete de Libras está em desacordo com a lei
19 de julho de 2019 às 10:45
Foto: Divulgação

A Associação da Serra de Professores e Instrutores de Língua de Sinais (Aspils) protocolou no Ministério Público (MP), Câmara de Vereadores e Prefeitura pedido de anulação do concurso público da Prefeitura de Caxias do Sul, que tem provas marcadas para este domingo. A entidade aponta irregularidades no edital, especificamente na prova objetiva para o cargo de Intérprete de Libras. “No caso deste profissional a prova deve ser feita em duas etapas, pois requer também banca avaliativa, composta por dois surdos e dois ouvintes habilitados para avaliação em libras. A prova objetiva estará na modalidade língua portuguesa escrita”, explicou Arlise Farinhas Zdrojewski, secretária da Aspils.

Conforme Arlise, a falha só foi diagnosticada após uma candidata ler o edital, atentamente, e perceber que não constava este critério de avaliação importante para saber se um profissional que irá trabalhar com libras sabe se expressar de maneira clara e de fácil entendimento. “Como a Prefeitura vai contratar alguém que pode não atender aos requisitos para determinada função? Como os responsáveis pelo concurso não consultaram o Conselho Municipal das Pessoas com Deficiência? Como não se inteiraram sobre os requisitos básicos necessários para a realização de um processo seletivo?”, indagou.

Para Arlise, a manutenção da prova para interprete de libras, nos moldes como está, desrespeita o decreto 5.626 de 2005, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais. “O correto seria adiar ou suspender a prova para este cargo ou que se determine que a mesma só se efetive após processo avaliativo com banca em outra data. Isto evitaria problemas futuros e não afetaria aos demais cargos. É um processo demorado e, infelizmente, esse erro veio à tona tardiamente. No entanto, juntamente com advogado, estamos constituindo uma medida cautelar”, frisou.

Provas marcadas para domingo

As provas objetivas do concurso público nº 01/2019 serão no domingo (21), às 14h, em diversos blocos da Universidade de Caxias do Sul. O certame visa ao preenchimento de 40 vagas, além de cadastro reserva para 41 cargos da administração direta e indireta do Município. Há 4.369 candidatos inscritos nos cargos de agente tributário, analista de sistemas, arquivista, bibliotecário, biólogo, engenheiro florestal, farmacêutico, médico em diversas especialidades, motorista, operador de máquinas, procurador, técnico agrícola, tradutor e intérprete de línguas e turismólogo. Os gabaritos preliminares das provas objetivas serão publicados às 8h de segunda-feira (22).





Publicidade