Esportes

Dupla com desfalques no primeiro jogo da decisão

Jogadores de Grêmio e Internacional foram diagnosticados com lesões e viram dúvidas
12 de abril de 2019
Foto: Foto: Ricardo Duarte, Divulgação

Neste domingo (14), a partir das 16h, Internacional e Grêmio darão início à decisão de 180 minutos da final do Gauchão 2019. O jogo de ida ocorre no Estádio Beira-Rio e os dois clubes têm problemas para escalar as equipes que irão a campo. A final do Estadual será na quarta-feira (17), às 21h30, na Arena. O Colorado venceu o torneio 45 vezes e o Tricolor, 37.

No CT Parque Gigante, a principal dúvida é o volante Rodrigo Dourado. Ele saiu mais cedo de campo na vitória do Internacional por 3 a 2 sobre o Palestino, na terça-feira (9), pela Copa Libertadores da América. Nesta quinta-feira (11), o Colorado anunciou que o volante foi diagnosticado com uma entorse no joelho esquerdo. Ele fará tratamento com urgência para tentar estar à disposição para os primeiros 90 minutos da decisão.

Se não houver condições de jogo para Dourado, Rithely deve ganhar nova oportunidade e iniciar a partida. Ele já ingressou na vaga do volante contra os chilenos. Se quiser colocar um atleta com mais experiência, o técnico Odair Hellmann pode escalar Rodrigo Lindoso, mas mudaria taticamente a forma de jogar da equipe. No CT, os atletas participaram de um treino regenerativo nesta quinta-feira. A tendência é que o time titular comece a ser esboçado pela comissão técnica na sexta-feira (12).

Do lado do Grêmio, quem preocupa é o volante Maicon. O jogador ainda aguarda pelos resultados dos exames médicos, mas reclama de dores há cinco dias. O atleta já havia sentido os joelhos no jogo contra o São Luiz, quando iniciou tratamento com gelo após ser substituído. Se não tiver condições de jogar, Thaciano deve ocupar a vaga. Nesta quinta-feira, o técnico Renato Portaluppi realizou treinamento tático fechado à imprensa no CT Presidente Luiz Carvalho. O time titular deve ser definido até sábado (13).





Publicidade