Coronavírus

Comércio tem liberação para funcionar em Farroupilha

Decreto publicado na tarde de quarta, 8, fixa diretrizes para abertura da maioria das atividades econômicas
08 de abril de 2020 às 22:07

Uso de máscara será obrigatório para todos os que circularem por Farroupilha (Foto Divulgação)

A Prefeitura de Farroupilha publicou decreto na quarta, 8, liberando a abertura de estabelecimentos comerciais, lojistas e varejistas. O documento estabelece uma série de medidas de higienização e proteção que os estabelecimentos devem seguir e limita a 30% a ocupação máxima prevista no alvará de prevenção e proteção contra incêndio, além de respeitar a distância mínima de dois metros entre os frequentadores. Nos shoppings só será permitida a entrada de pessoas que estiverem usando equipamentos de proteção individual. 

Excetuando-se restaurantes e trailers, que somente podem atender por meio de tele-entrega ou pague e leve, os demais estabelecimentos alimentícios têm permissão para operar respeitando o limite de 30% da ocupação prevista no alvará de prevenção e proteção de acidentes. Mas é proibido o consumo interno de bebidas e comidas.

As indústrias, por sua vez, precisam somente respeitar as normas sanitárias e de segurança, evitando a aglomeração de funcionários. Para tanto é sugerida a adoção de escalas, de revezamento de turnos e de alterações de jornadas. O decreto também autoriza o funcionamento de hotéis, motéis e pousadas, serviços de saúde, de estética e beleza, academias, de atendimento a animais vivos e prestadores de atividades de limpeza, desinfecção de reservatório de água, imunização e controle de vetores e pragas. Além de cumprir determinações gerais, cada atividade tem algumas específicas.

As lojas de conveniência dos postos de combustível poderão funcionar, de segunda a sábado, das 7h às 19h. As localizadas em estradas ou rodovias poderão manter funcionamento regular. A aglomeração de pessoas nos espaços de circulação e dependências dos postos de combustíveis e suas lojas, abertos e fechados, está proibida em qualquer dia e horário.

As normativas, que entram em vigor na quinta, 9, mantém suspensas as realizações de cultos, reuniões e eventos. Também seguem proibidas aulas, cursos e treinamentos presenciais de qualquer natureza. O Município estabeleceu como obrigatório o uso de máscaras por toda a população, em qualquer situação, no ambiente público ou privado.

Mais um caso confirmado

Farroupilha confirmou mais um caso na tarde de quarta, 8, elevando para seis o número de pacientes com a Covid-19, um deles curado. O mais recente caso, um homem de 76 anos, morador do município, está internado em Caxias do Sul e passa bem. A cidade ainda registra quatro casos suspeitos e 28 descartados.