Economia

Comércio de Caxias tem perda média de 87% no faturamento

Índice foi apurado em pesquisa informal realizada pelo Sindilojas com grupo de associados
15 de abril de 2020 às 16:47

Parte dos estabelecimentos acusa receita zerada nos últimos 30 dias (Foto Banco de Dados)

Por meio de uma pesquisa informal com seus associados, o Sindilojas Caxias apurou recuo médio de 87% no faturamento como decorrência do fechamento das lojas desde 23 de março. De acordo com a entidade, o indicador não é pior porque também participaram do levantamento empresas que já trabalhavam com e-commerce. As empresas ouvidas que não trabalhavam anteriormente neste formato registraram perdas entre 97% a 100% em relação ao período que estavam abertas.

A pesquisa informal teve como objetivo subsidiar a diretoria e constituir-se em indicativo das perdas do setor, servindo de termômetro para orientar a entidade nas suas decisões. O Sindilojas ainda não tem balanço oficial sobre demissões, já que muitos lojistas ainda estão com funcionários em férias. Mas a entidade já foi consultada por empresários pedindo informações sobre os trâmites para demissões e fechamento de lojas. “A maioria, no entanto, está buscando utilizar o crédito e as medidas emergenciais do governo federal para evitar quebra e demissões”, ressalta a presidente do Sindilojas, Idalice Manchini. Nesta terça (14) a entidade ajuizou ação na Justiça com pedido de reabertura imediata do comércio.