Política

Bueno acusa prefeito de perseguição política

24 de julho de 2019 às 09:16

O vereador Rafael Bueno/PDT utilizou a tribuna do Legislativo, na sessão de ontem (23), para contestar a ação de danos morais, movida contra ele pelo prefeito Daniel Guerra/Republicanos. A ação tramita no Judiciário de Caxias há cerca de dois meses. Entretanto, a confirmação do pedetista ocorreu em plenário. O chefe do Executivo pede R$ 50 mil de indenização e alega sucessivas críticas do pedetista à gestão dele.

Na tribuna, Bueno leu trechos de manifestações dele, em plenário, que foram reproduzidas no texto da ação. De acordo com o vereador, se trata de perseguição política à família dele. “Minha mãe teve um BO registrado pelo secretário de Saúde, porque o desmentiu e o prefeito Daniel Guerra. Agora foi a minha vez. Processa-me, prefeito! Porque quanto mais o senhor me processa, mais coragem me dá para defender aquele povo que está amargurando na fila dos hospitais”, enfatizou.