Comunidade

AGRICULTURA: Estado deve colher sua segunda melhor safra

A Emater/RS-Ascar anunciou na manhã desta terça-feira (12), durante café da manhã com a imprensa, na Expodireto, em Não-Me-Toque, levantamento das estimativas de
13 de março de 2019

A Emater/RS-Ascar anunciou na manhã desta terça-feira (12), durante café da manhã com a imprensa, na Expodireto, em Não-Me-Toque, levantamento das estimativas de produção da safra gaúcha de verão 2018/2019. Os dados foram apresentados pelo presidente da Emater/RS, Iberê de Mesquita Orsi.

A safra deverá alcançar produção próxima de 32 milhões de toneladas, o que deverá gerar valor bruto superior a R$ 31 bilhões. Com a confirmação desses números, será a segunda maior safra de verão no estado.

O grande destaque é o cultivo do milho grão. Com aumento de 7,43% na área plantada, a expectativa de produção é de 5,52 milhões de toneladas, o que representa aumento de 22,3% em comparação à safra passada. É o maior crescimento estimado para as culturas de verão este ano. Em produtividade, o avanço previsto é de 13,87%, que se refere a uma média de 7,3 mil kg/ha. Com área atual de 5,8 milhões de hectares, aumento de 0,79%, a produção da soja deve chegar a 18,5 milhões de toneladas, incremento de 5,7%.

O cultivo do arroz sofreu redução de 4,15% na área plantada. Com pouco mais de um milhão de hectares plantados no estado, a produção atual está estimada em 7,78 milhões de toneladas, recuo de 7,24%.

Na cultura do feijão 1ª safra, o levantamento aponta redução mínima na área plantada, de 0,49%. A produção é estimada em 69,9 mil toneladas, o que representa aumento de 8,64%. No feijão 2ª safra o cenário se repete. A área plantada caiu 0,12%, mas a expectativa de produção é de 5,32%, alcançando 32,19 mil toneladas.





Publicidade