Roberto Hunoff

Livre Iniciativa

06 de agosto de 2019 às 08:40

Acordo fechado

Os metalúrgicos aprovaram o reajuste de 5,28% para a convenção coletiva deste ano. O índice representa ganho real de 0,5% sobre o INPC, calculado até junho, data-base da categoria. O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Assis Melo, argumentou que a maioria das categorias profissionais do país não conseguiu fechar acordos acima da inflação. “Não podemos, como dirigentes sindicais, sermos aventureiro e nem colocar a categoria a perder. Precisamos ter a sensatez disso", defendeu. Também frisou que o reajuste de Caxias foi o maior em aumento real dentre os metalúrgicos do estado neste ano.

 

Comenda Raul Randon

Os primeiros homenageados com a Comenda Raul Randon de Metalmecânica serão agraciados nessa terça-feira (6), em sessão solene na Câmara de Vereadores, a partir de 19h. A distinção será entregue ao empresário João Francescutti; à viúva de Raul Randon, Nilva Randon; e ao Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) Nilo Peçanha. A intenção é reconhecer a trajetória do empreendedor Raul Randon, símbolo do setor e falecido em março de 2018.

 

Projeção otimista

Encerrada na sexta (2), a 22ª Construsul – Feira Internacional da Construção reuniu mais de 36 mil profissionais do setor no Centro de Eventos da Federação das Indústrias, em Porto Alegre. O clima de fechamento foi de otimismo. “Estamos com esperança que a Construsul 2019 marque o pontapé inicial para a retomada da construção civil no Brasil. Percebemos que o setor está muito otimista, mas que todos estão mantendo os pés no chão”, avaliou o diretor da promotora, Paulo Richter. Segundo ele, a visitação atingiu o esperado e o índice de renovação para 2020 está dentro das expectativas. “Também foi perceptível a satisfação dos expositores com a realização de negócios”, complementou. Para 2020 está confirmada a continuidade do Espaço Construsul Construtechs, que reuniu startups que apresentaram soluções tecnológicas para a cadeia produtiva da construção civil. A próxima Construsul está marcada para julho do ano que vem, bastando definir os dias.

 

Concessionária no Peru 

Em continuidade ao seu plano de expansão das atividades internacionais, a Volare inaugura mais uma concessionária no Peru, na cidade de Cusco. A Tracto Camiones estará à frente da operação. Rodrigo Bisi, gerente de exportação, afirma que a nova concessionária permitirá a ampliação dos negócios, prestando todo o suporte aos clientes peruanos. “Os negócios no Peru têm crescido a cada ano. O principal diferencial da Tracto Camiones é que nenhuma outra marca possui ponto de atendimento em vendas e serviços de pós-vendas na região”, destaca. A Volare possui hoje rede com cerca de 30 dealers na América Latina, África e Oriente Médio. O objetivo é nomear novos parceiros.