Política

União investirá em campanha pela Reforma da Previdência

21 de maio de 2019 às 12:04
Foto: Mauro Corrêa, PR/ Divulgação

Em cerimônia no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro lançou nesta segunda (20) a campanha publicitária em defesa da reforma da Previdência. Com o slogan Nova Previdência. Pode perguntar, as peças trazem pessoas comuns fazendo perguntas sobre a proposta em tramitação no Congresso. A campanha será veiculada em jornais, emissoras de rádio e televisão, internet, mídias sociais, mídia exterior e painéis de aeroportos, rodoviárias e estações de metrô. Responsável pela campanha, a Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República informa que serão investidos R$ 37 milhões nas inserções publicitárias, que tiveram início nesta segunda e seguem até meados de julho.

Em seu discurso, Bolsonaro fez um aceno ao Congresso Nacional, lembrando que cinco dos seus ministros são oriundos do Parlamento e que ele valoriza o Poder Legislativo, que dará a palavra final sobre a matéria. "Nós valorizamos, sim, o Parlamento brasileiro, que vai ser quem vai dar a palavra final nessa questão da Previdência, tão rejeitada ao longo dos últimos anos. Mas, quando se tem, à sua frente, os números concretos da Previdência, muita gente muda de ideia", afirmou. Em agenda no Rio de Janeiro, antes do anúncio, o presidente disse que se a reforma da Previdência não for aprovada, em cinco anos já não haverá recursos para pagamento de servidores na ativa.





Publicidade