Economia

Agricultura volta os olhos para Ribeirão

Na segunda (29) tem início a Agrishow, uma das maiores feiras mundiais do agronegócio
29 de abril de 2019 às 12:28
Foto: Nauri Ribeiro, Divulgação

No embalo do bom momento vivido pelo agronegócio, mais de 800 marcas nacionais e estrangeiras confirmaram participação na Agrishow 2019 – 26ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação, que terá início na segunda (29), estendendo-se até 3 de maio, em Ribeirão Preto (SP). A organização espera público superior a 150 mil visitantes do Brasil e exterior, que poderão ver não só máquinas e equipamentos produzidos por aqui como também nos Estados Unidos, na Argentina, França, China, Índia e Turquia. A feira ocupará área de 550 mil m² este ano ante os 440 mil m² da edição 2018.

Durante a Agrishow 2019 será realizada a 20ª Rodada Internacional de Negócios, programada para o período de 30 de abril a 2 de maio. O encontro reunirá representantes da indústria brasileira de máquinas, implementos agrícolas e equipamentos de irrigação, com compradores estrangeiros, vindos especialmente ao Brasil para este fim. Foram convidados importadores da África do Sul, Argentina, Austrália, Chile, Colômbia, Etiópia, Estados  Unidos, México, Nigéria, Peru e Rússia. “Nossa expectativa em relação à esta edição é a melhor possível, pois a economia está num bom momento, o que deve repercutir favoravelmente nas vendas de máquinas e equipamentos, um dos principais pilares da feira”, comenta João Carlos Marchesan, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos, promotora do evento.

A Agrale, de Caxias do Sul, é uma das expositoras da feira. Dentre as novidades, os tratores modelos 575 Compact e 575 Super com nova motorização. Ambos estão disponíveis com cabine exclusiva de fábrica, que oferece proteção às intempéries climáticas e ainda mais segurança e conforto nas aplicações. Outro destaque são os motores Perkins, que atendem às exigências da Legislação MAR I, garantindo baixo consumo de combustível e melhor desempenho operacional, além da redução de emissões e, consequentemente, o impacto ambiental. A montadora também expõe outros modelos do seu portfólio, que reúne tratores de 15cv a 220cv para atendimento das mais diversas necessidades da agricultura.





Publicidade